Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Rapaz de 26 anos perde a vida em acidente de moto



Com o desenvolvimento econômico do país milhares
de pessoas procuram em outros estados, o que em seus lugares de origem não conseguiram, assim partem levando na bagagem as saudades de seus familiares e a vontade de vencer na terra adotada como sua.
Maraílson Roque Ferreira Lopes é um desses brasileiros quem tem coragem de mudar de região e também mudar de vida. Ele tinha apenas 26 anos de idade e tinha mulher e um casal de filhos que deixou no Maranhão.
Ele morreu instantaneamente na noite de domingo, 29 de agosto, quando colidiu frontalmente com um jipe que vinha no sentindo contrário na Rua Circular municipal em frente ao consultório do Dr. Luís Henrique.

Versão de Valdoir Torriane (o motorista do jeep)
Segundo Valdoir a vítima vinha na Rua Circular Municipal, sentido rodoviária – rio em alta velocidade fazendo zig-zag, o que o obrigou a ir para a contra-mão tentando evitar o pior, o que não aconteceu. Valdoir disse que é motorista ha mais de 22 anos e é muito conhecido na cidade ele trabalhava na MAdecunha. Valdoir fazia 43 anos na data do acidente e vai ficar preso até a manhã de segunda-feira quando o delegado ouvirá sua versão.

Outra Versão
Valdoir teria saído da Rua 29 de agosto e ia em sentido a Rodoviária, um pouco de pois de fazer a curva ele tentou atravessar uma moto que ia no mesmo sentido não vendo a moto de Maraílson que vinha em sentido contrário e causando sua morte imediata. Vadoir não saiu do local até a remoção do rapaz morto.
Maraílson era prestamista, vendedor que facilita a compra de diversos produtos em prestações e que os oferece de porta em porta. Ele era extremamente trabalhador e paciente nos seus negócios. No hospital uma pequena multidão se formou para obter notícias sobre o fatídico episódio.
Valdoir prestando depoimento

local do acidente

viseira do capacete ainda no chão

Moto no pátia da 8ª DRPC de Humaitá - Am




Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com

Um comentário:

  1. Infelismente em sua total maioria os motociclista trafegam em nossas ruas estreitas em alta velocidade causando muitas vezes acidentes horriveis como este que vitimou este rapaz. Enquanto nao houver concientizacao que direçao e velocidade nao podem andar juntos os acidentes continuaram acontecendo.

    ResponderExcluir

Comente com responsabilidade