Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

quarta-feira, 31 de março de 2010

MÉDICO NEGRO NO BRASIL?

                 A Senhora Adalgisa acordou cedo foi a uma clínica particular para fazer uma consulta com “um tal” de Doutor Jorge, alguém lhe disse que ele era excelente médico pneumologista; ela estava cansada de tanto tossir, não agüentava mais a pressão negativa que isso lhe causava.
                Outro dia quando apanhava um ônibus que ia ao centro da cidade quando passava a roleta tossiu de uma forma tão violenta que acordou uma senhora já de idade que pensava que naquele instante o mundo havia acabado: - Ai meu Deus que tudo se acabou – gritou a velha.
                Ela precisava se livrar daquele mal urgentemente. Chegou ao local da consulta se identificou como a cliente que foi indicada por uma amiga, esperou até o seu horário chegar, leu umas revistas novas na luxuosa sala de espera. O momento chegou e seu nome foi chamado: - Senhora Adalgisa pode entrar- anunciou a secretária em tom ameno e receptivo.
                A mulher ainda olhou para trás distraída com um passarinho que voava na janela contrária a porta, e, então entrou e se deparou com o consultório vazio, o médico lavava as mãos num lavatório separado e não demorou a aparecer.
                - Boa tarde - disse a paciente – onde está o doutor Jorge?
                - Sou eu disse o médico com um ar sapiente.
                - Desculpe doutor
                - Não precisa se desculpar, por ser negro sempre tive que ser melhor que os outros em tudo. A maioria das pessoas no Brasil tem dificuldade para enxergar numa pessoa como eu um profissional competente.
                Adalgisa não sabia onde enfiar a cara, justo ela que dizia ser contra qualquer tipo de discriminação, passara esta vergonha. Doutor Jorge deu a receita pediu alguns exames simples, diagnosticou o problema e acertou em cheio. Nunca mais aquela senhora sofreu de qualquer tipo de tosse.
                O que nunca revelou a ninguém foi o fato de desprezar um ser humano brasileiro que tem suas raízes na mãe África, e que por isso não poderia ser um médico, e ainda mais grave que isso, ser um dos melhores na sua área de atuação.
                O Brasil não é diferente de vários países do mundo onde ninguém abertamente tem a coragem de dizer que despreza alguém pela cor da pele, principalmente se esta for negra, entretanto os de cor negra se destacam em todas as áreas e já não dá mais pra esconder o que Deus determinou para reluzir sob o sol brilhante do meio dia, o brilho majestoso da dignidade que não pode ser medida pela cor da pele. 


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com
imagem: www.advice-with-dr-julia.com/images




.
                

ABANDONADO

Saiu de casa calado, e calado ficou, olhou para o sol, que sozinho no infinito imperava, abaixou a cabeça, chorou por dentro, um choro sincero, soluço preso.
Não quis pensar em mais nada, mas a cabeça não obedeceu se tivesse amigos, as invisíveis lágrimas não seriam deserto, como ninguém havia que se condoesse seguiu sem esperar consolo.
                Atravessou a rua sem muita pressa, caminhou com destino certo ao emprego público de baixo salário.
                Sentiu uma grande vontade de xingar o chefe da seção,  perseguidor das minorias subalternas. Conteve-se, prendeu a mágoa com grandes cadeados; entregou uma papelada inútil cheia de carimbos e assinaturas.
                O dia acabou o ponto batido, coração partido, pra casa se foi, sem par o coitado, triste abandonado, pra o seu logradouro sombrio voltou. Sua Ana não estava mais lá.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com







.

RESULTADOS PRELIMINARES REVELAM A VITÓRIA DA CHAPA 7

A experiência acadêmica deduz que os alunos deverão desenvolver base critica para enfrentar os grandes desafios da vida; lutar pelos direitos é uma tarefa árdua e nem todos estão aptos para se fazerem ouvidos, por isso a eleição desenvolvida nesta terça-feira, 30 de março se revestem de importância, pois revelam o desejo de melhorar as condições deploráveis que podem ser facilmente detectadas no campus da Universidade Federal do Amazonas em Humaitá.
Os resultados preliminares indicam que Audinei Lima Leite, mais conhecido como Neizinho é o novo presidente do DREH, como liderança constituída o novo representante dos estudantes da UFAM e sua equipe de trabalho tem uma missão enorme a cumprir, pois o edifício novo localizado próximo a Praça da Rodoviária ultrapassou todas as previsões de conclusão, tem rachaduras antes mesmo de ser inaugurado, não possui rampa de acesso para deficientes, entre outros problemas.
Em relação aos professores, existem cursos que só têm um professor como o caso do 4º período de Biologia e Química, sem contar os cursos de Engenharia Ambiental, Agronomia, Matemática e Física, todos com deficiências gravíssimas nos quadros de professores. Nesse quadro sombrio de descaso quase que generalizado que Neizinho e sua equipe vão trabalhar para diminuir os grandes problemas que assolam o Campus de Humaitá Amazonas.
AS apurações revelam uma diferença de 133 votos a favor da Chapa 7 de Neizinho; o total apurado em caráter não oficial é de 235 votos para a Chapa 7 e 102 votos para a Chapa 1 de Minoca. Agora é mobilizar os estudantes para as grandes mudanças que virão.
Parabéns Chapa 7, lutar e vencer sempre!


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com




.

terça-feira, 30 de março de 2010

HOMENS TRABALHANDO, CIDADE MELHORANDO!

Ver gente trabalhando traz uma alegre sensação de felicidade por ser brasileiro; se este que está trabalhando é um funcionário público a satisfação é ainda maior, pois o dinheiro público deve e pode ser usado de forma certa e honesta; as pessoas merecem ter os seus recursos devolvidos em forma de benefícios comuns.

Quando passei nesta tarde na Rua 29 de agosto e pude ver os funcionários tapando um pequeno buraco que surgiu por ocasião do serviço de ligação de água feito pelo Senhor Carlos André, que foi obrigado a achar uma rede de água e fazer ele mesmo um serviço que em qualquer lugar deste país é feito pela companhia de águas e esgotos, mas que em Humaitá o cidadão comum tem que cavar o asfalto e procurar onde está a rede de água para assim, ter o direito sagrado da água encanada em seu lar.

O pequeno buraco já estava quase se tornando histórico pelo tempo que já estava ali quando por intervenção da Prefeitura, aproveitando a força do governo do estado fez a obra e tapou a fenda merecendo um elogio não muito ensolarado, porém mesmo assim de grande valor.

Cheguei a pensar que a obra da calçada na Praça da Saúde iria ficar paralisada, entretanto nesta manhã os trabalhadores voltaram a executar a obra, não com o ímpeto próximo a visita de Eduardo Braga nem tão pouco com a garra e pujança que antecederam a visita da Dilma, mas estão trabalhando e isto já basta.



Haroldo Ribeiro


.



RONALDO BELEZA É PRÉ-CANDIDATO

A corrida para formação dos nomes que comporão as alianças já começou, alguns já são conhecidos outros ainda estão se configurando no cenário político do Sul do amazonas.
                Em Humaitá um nome já pode ser considerado como certo na disputa por uma vaga a na convenção do PT para disputar uma cadeira de deputado estadual, trata-se de Ronaldo Beleza que já foi candidato a Prefeito na cidade de Humaitá com um diferencial muito positivo em relação aos outros da época, ele era quem tinha menos rejeição em relação aos demais .
                Beleza vai disputar uma vaga para concorrer a Deputado com outros nomes do PT da região, caso seja referendado em convenção do partido, Ronaldo pretende implementar um ritmo forte baseando sua plataforma na força do nome de sua família que é da região e que tem um exemplo de superação e determinação, pois como filho de gente humilde e semi-analfabeta, assim como o Presidente Lula, a família Beleza  tem como resultado da dedicação de seus progenitores, dez filhos que cresceram na faculdade da vida e na faculdade das letras.
                Drº Ronaldo é um dos dentistas mais conceituados da cidade, e não conformado em apenas trabalhar para seu próprio bem mantêm um serviço social relevante que cuida de diversas crianças no bairro de Santo Antônio. Beleza pretende firmar propostas em torno do desenvolvimento da juventude da região e do desenvolvimento sustentável com geração de emprego e renda. Para ele as políticas públicas envolvendo os jovens  ainda são muito pequenas, sabendo dos trâmites que são necessários para que grandes realizações possam ocorrer na região, Ronaldo que ser a voz que defenderá os anseios de toda a população, mas que lutará sem tréguas para que outros jovens do sul do estado tenham as mesmas condições que ele de crescer na vida e poder alcançar outro patamar social.
                Como um legítimo amazonense vencedor, o empresário e empreendedor social Ronaldo Beleza tem o anseio de ser uma voz que é da região, que sabe o que é sofrer e tem experiência no vencer as batalhas da vida. Se for escolhido como candidato do PT a deputado estadual, Beleza vai com certeza dar muito trabalho aos demais candidatos, pois pesa ao seu favor um nome limpo e um caráter sólido capaz de começar as grandes mudanças que a região precisa.



Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

segunda-feira, 29 de março de 2010

COMEÇAM A SER REVELADOS OS NOMES DO JOGO


Como se avizinha as eleições majoritárias para governador do estado, mesmo na condição de cidade pequena, Humaitá começa a receber a visita dos prováveis candidatos ao governo. Neste sábado, 27, foi a vez do ex-prefeito de Manaus Serafim Correa que esteve na cidade e foi enfático: - Serei sim candidato ao governo.
Em entrevista dada a Rádio Vale do Rio Madeira, Serafim disse que quer ser uma opção diferente, que vai apoiar o Senador Artur Virgílio, pois não dá pra ficar sem esse grande defensor do Amazonas.
Também afirmou que é necessário mudar a relação com os prefeitos que quando chegam a Manaus são tratados de forma massacrante, precisam ser recebidos com o respeito devido, pois são representantes legítimos do povo.
Sobre a questão da BR 319, Serafim declarou que o Ministro Alfredo Nascimento demorou muito para tomar uma atitude, ficou no governo por oito anos, acha que agora, na reta final do governo Lula será muito difícil fazer a conclusão da obra; disse também que Alfredo tentou fazer as coisas à moda antiga e encontrou uma barreira quase que intransponível, era necessário ter um diálogo para que a obra saísse do papel.
Serafim também afirmou ser um homem pacífico e que tenta fazer tudo através do diálogo. A noite, já no  Restaurante Palhoça afirmou o desejo de ver Herivâneo Seixas como candidato a Deputado Estadual, sem dar uma resposta mais veemente sobre o assunto, o vereador mais votado da história da cidade prometeu pensar bem na proposta.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.


sábado, 27 de março de 2010

CORRUPÇÃO UM PROBLEMA NACIONAL


x
       É preocupante saber que certos políticos continuam fazendo o mesmo que se espera deles no Brasil, ser corrupto até o tutano da alma. Em certos casos os amigos mais chegados, familiares e assessores chegam a afirmar: - “Como é tá muito devagar, quando vai sair uma grana pra nós?”.
        A matemática da sujeira é simples, como têm que pagar os compromissos de caixa dois da campanha, certos políticos vendem a alma do povo para o Diabo e quando são eleitos chega a hora crucial de pagar. E não é pouco dinheiro.
        Quando assumem os gabinetes dos diversos cargos públicos, a grande maioria dos políticos brasileiros têm que pagar o que recebeu, e aí as formas são variadas como:
  •  Distribuir cargos de confiança para parentes e amigos do financiador de campanha.
  •  Direcionar fraudulentamente concorrências públicas. Neste particular é revelado um preço que não pode ser cumprido por ninguém, muito baixo. Depois de ter ganhado a concorrência tudo é reajustado muito acima do preço normal e o povo é roubado descaradamente.
  •  Abrir empresas em nome de parentes próximos ou de amigos, fazendo com que elas vençam todas as concorrências.
  • Tecer uma estrutura de pagamentos de propinas para que os órgãos fiscalizadores se calem.


         Como em todo o lugar tem gente honesta, chega uma hora em que a podridão aparece e a casa cai e aí aparece o triste fim de um político brasileiro.
         O programa CQC exibido pela Rede Bandeirantes de Televisão fez um teste com os políticos da cidade de Barueri, fizeram a doação de uma televisão de plasma de 42 polegadas para ser doada a uma das escolas do município, colocaram um chip com GPS (localizador) e fizeram um monitoramento para saber onde iria parar o aparelho. Para a surpresa de todos o equipamento foi parar na casa de um funcionário da escola e por lá ficou por muitos dias.
         Um dos membros do programa foi a escola onde a TV deveria estar enquanto outro foi para o lugar em que ela estava. Perguntando sobre o aparelho recebeu a informação de que ela estava na escola, enquanto o funcionário tirava a TV de casa para levá-la mais que depressa a escola. Quando saiu para levar a TV ao seu devido lugar encontrou o repórter do CQC e aí começou a baixaria.
          O desenrolar da história você acompanha no YOU TUBE, se o seu provedor deixar.
         A corrupção é assim, mesmo sabendo que o Diabo faz a panela, mas não faz a tampa tem muito político corrupto achando que nunca vai ser pego. Cuidado o teu dia está chegando!!!





Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com
imagem: chacinometronarede.files.wordpress.com/2009


.

sexta-feira, 26 de março de 2010

UMA AULA DE DEMOCRACIA

                Os candidatos demonstraram estar preocupados com a questão da falta constante de professores no Campus e em relação à falta de interesse dos alunos nos processos políticos que envolvem a classe.
Em relação ao esporte;
Minoca: - É difícil falar de universitários em falar em esportes, tenho grande experiência na área, minha primeira graduação é em Educação Física, fiquei feliz em saber que logo teremos a BR 319, pois poderemos participar de jogos em Manaus. Não acho ser possível a realização de Jogos internos pelo tempo que é pouco na agenda das aulas. Vou incentivar a criação de uma pista de atletismo ao redor do Campus novo, pois já existe tecnologia para isto.
Neizinho: - Vamos fazer os Jogos Internos, quanto a questão do tempo, pedirei o aumento em uma semana no cronograma para que eles sejam realizados.
Divulgação:
Minoca: - Para divulgarmos as nossas realizações contaremos com um jornal e visitas as salas de aula para conscientizar os alunos.
Neizinho: - Temos do nosso lado o Haroldo Ribeiro que tem um site e um jornal, poderemos divulgar as ações com facilidade através da ajuda deste amigo de nossa chapa.
Restaurante Universitário:
Minoca: - Acho que nem deveríamos estar falando nisso, já é lei para campus com mais de 1000 alunos.
Neizinho: - Embora seja Lei sabemos que mesmo assim deve haver muita luta para que os direitos sejam cumpridos.
Acessibilidade aos deficientes físicos no prédio novo:
Minoca: - Quando construíram o prédio novo já deveriam ter pensado nisso, podemos até mesmo parar as atividades em função disso.
Neizinho: - Cansei de falar para o Alecrim sobre o caso e ele disse que foi erro da contrutora, sou deficiente físico também e dou graças a Deus por poder participar das atividades na Universidade, se fosse cadeirante não conseguiria subir as escadas sem ajuda, no caso nosso o jeito seria um elevador.
Casa do Estudante:
Minoca: - Vejo a casa do estudante como utopia, pois até se fazer um projeto vai uns cinco anos, depois mais cinco pra aprovar
Neizinho: - Já temos o projeto, está aqui em minhas mãos.
Minorias:
Minoca: - Eu vejo o problema do país não na cor, mas sim na condição social. Fico preocupado quando falam que eu vivo na selva, isso é um tipo de discriminação.
Neizinho: - Muitas vezes as pessoas pensam que não somos capazes, existe muito preconceito dentro de nossa instituição.
                Foram citados por Minoca a questão da união dos alunos na greve por melhores condições de ensino, que teve repercussão em Brasília e foi citado no Congresso Nacional pelo Senador Artur Virgílio. Minoca também acha estranho numa Universidade que conta com poucos Doutores a transferência contra a vontade de Professores como Edgar e sua esposa, afirmou que a UFAM age com desrespeito e não informa nada que seja relevante aos seus alunos.
                Neizinho disse que muitos professores colocam medo nos alunos, sendo que para coibir tal ação devemos usar até a lei.
                Encerrado os debates, resta aos alunos escolherem o melhor candidato neste dia 30 de março e assim mudar um pouco da realidade negativa que cerca o Campus Vale do Rio Madeira, que tem sido tratado com descaso absoluto por Manaus.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

MINOCA X NEIZINHO EM DEBATE OS DESTINOS DOS ALUNOS DA UFAM


Ocorreu nesta quinta-feira 25 de março, no auditório da UFAM (Universidade Federal do Amazonas) o debate envolvendo os candidatos a presidência do DREH (Diretório Regional dos Estudantes de Humaitá), pleiteando a vaga estão os acadêmicos Elenilson Barroso (mais conhecido como Minoca) pela Chapa 1 e Audinei Lima Leite (Neizinho) pela Chapa 7.
O debate começou às 19h40min e foi organizado com três grandes blocos. No primeiro Bloco cada um teve 10 minutos para expor seu projeto total de atuação, no segundo bloco houve resposta aos questionamentos feitos durante a semana, cabendo a escolha da resposta por sorteio a um dos candidatos com direito a réplica e depois tréplica. O ultimo bloco foi dispensado pelos dois candidatos que acharam que os questionamentos feitos pelos alunos já respondia de maneira geral os anseios da classe acadêmica local não restando mais nada a ser trado.
Em linhas gerais os dois candidatos tem plataformas semelhantes:
Elenilson (Minoca) afirmou que o ensino que é dado na UFAM atualmente é o mesmo o mesmo que o ensino médio melhorado, que infelizmente a maioria dos estudantes não tem dinheiro para empreender viagens e pesquisas, que o processo para conseguir qualquer coisa no meio universitário é muito difícil.
Citou como metas as seguintes propostas:
Criação da secretaria da juventude
Conferencia jovem
Fala jovem
Fest jovem
Censo jovem
Caravana jovens universitários
Circuito jovem
Todas as propostas deste candidato visam uma maior integração dos estudantes para uma nova realidade acadêmica.
                Em contrapartida Audinei (NEizinho) afirmou que estava decepcionado com a falta da maioria dos universitários ao debate e reafirmou sua preocupação com a construção da Casa do Estudante, pois em sua visita a cidade de Manicoré descobriu que alunos da UFAM desistiram do curso por falta de recursos financeiros. Os alunos que vêm de fora têm que dispor de recurso, pois caso contrários não conseguem se manter e são obrigados a abandonar os cursos.
                Neizinho também reiterou a importância da identidade do universitário e prometeu desenvolver uma estrutura de descontos aos universitários no comécios local, também prometeu promover a festa dos estados, em que haverá caracterização das unidades federativas do Brasil representados pelos alunos com intuito de arrecadar recursos para ser usado pelos próprios alunos.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.




quarta-feira, 24 de março de 2010

SEM PLACA E SEM FITA


ARROZ, FEIJÃO E BIFE

Mesmo não sendo completo este prato dá água na boca na maioria dos moradores do Brasil, é quase completo, assim como a maioria das coisas que acontecem neste país. O que falta? Pra começar uma salada, alguma coisa pra beber, que tal um Dydyo Cola (Imitação de Coca Cola, muito consumido na região) e depois uma goiabada com creme de leite, pronto aí ta bom!
O que tem tudo isso a ver com a visita da Ministra Dilma á cidade, tudo. Houve a inauguração da BR 319, apenas um trecho; no Porto, por sinal muito bonito, a plataforma principal não foi acoplada, a placa comemorativa não foi descerrada, a fita inaugural não foi rompida enfim, faltou alguma coisa, mas ta bom!
Por volta das 09h00min da manhã uma grande multidão já se formava esperando a personagem principal da festa, a Ministra Dilma Rousseff, que nunca tinha dado as caras por aqui. Embora anunciada para as 9:00, Dilma e Alfredo só chegaram as 10:20 num avião da Força Aérea Brasileira. Após o assedio dos fotógrafos e da multidão curiosa, Dilma, Alfredo, Eduardo, Cassol e várias autoridades de peso da região seguiram em direção a um trecho próximo da BR 319, para proceder a uma semi-inauguração, haja vista que algumas pontes ainda não foram concluídas. A seguir foram mais que depressa em direção ao novo Terminal Portuário da cidade.
O povo compareceu em massa, tudo deu certo, bem diferente que a visita do governador, cerca de 20 dias atrás.
Nos discursos a tônica foi à condenação aos órgãos ambientais por Ivo Cassol, Governador de Rondônia, que disse que chega desses políticos pó-de-arroz que moram em Copacabana e atravancam o progresso da região. Ivo também citou que há 30 anos quando era caminhoneiro ia a Manaus carregado pela manhã e no mesmo dia chegava a Manaus:- “o tempo avançou e nos regredimos”, concluiu.
Alfredo Nascimento trocou elogios com Eduardo Braga, como dois homens civilizados. Quem esperou escarpas se deu mal. Citou os grandiosos números que cercam a sua atuação como Ministro e confessou que chegou a não acreditar na força de Dilma, entretanto: - “Ela conseguiu comandar 30 marmanjos como ninguém”, disse Alfredo.
Dilma disse saber das grandes necessidades do Estado que segundo ela conhecera há 8 anos e listou: Falta de Energia; Gás inexplorado e Zona Franca ameaçada de extinção. Noutro momento a Ministra da Casa Civil revelou que água tratada era um compromisso do Governo Lula para o Amazonas:- Como pode um Estado que tem a maior reserva d’água potável do mundo não ter água tratada para sua população, por isso estamos trabalhando e já fizemos muito para acabar com este problema.  No ponto alta de sua fala Dilma assegurou que a BR 319 será concluída.
Finalizando os discursos por volta das 12h00min do dia, Eduardo Braga afirmou que o que está sendo feito agora só não o fora antes por falta de vontade ou por desconhecimento. Hoje com Dilma o povo do Amazonas poderá sonhar com a realização completa da BR 319, sobre a educação continuou dizendo que o Estado conta com a estrutura da UEA (Universidade do Estado do Amazonas) que tem hoje com 44 mil alunos e ajudou a formar todos os professores do Estado que ainda não tinham nível superior. Terminou afirmando que ser brasileiro em Copacabana pode não ser fácil, mas difícil e viver nas barrancas dos rios do Amazonas.
Pouco depois do meio dia, contrariando o cronograma, Dilma, Alfredo e Cia foram embora sem fazer o que era mais esperado, inaugurar o Porto. Os alunos foram embora, o povo foi embora, os mototaxistas foram embora, tudo ficou vazio. O caprichado bufê preparado pela assessoria não foi degustado pelas autoridades e Humaitá voltou a ser Humaitá.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

EM ALTA VELOCIDADE PARA A MORTE

Um adeus antecipado a vida pode ser dado       com fórmulas pré-programadas e irresponsabilidades.  Alta velocidade falta de habilitação e não socorro à vítima, o resultado desta equação macabra só pode ser a morte e morte precoce.
Foi exatamente o que aconteceu com o jovem David Venandro de Medeiros de apenas 15 anos. No dia 16 de março por volta das 18h40min, o adolescente dirigia uma moto Bis seguindo em direção a Ponte da Olaria, vindo na direção contrária seguia um taxi pertencente ao senhor José Antonio, dirigindo o veículo conforme informação da família de David estava o menor conhecido como José Carlos.
Os dois veículos colidiram frontalmente, sendo que para o condutor da moto, também um adolescente, o resultado final foi à morte aos quinze anos de idade. Embora David não tivesse habilitação, pesa contra o condutor do veículo taxi o fato de não ter permanecido no local e nem prestar socorro a vítima.
David foi levado ao Hospital Regional de Humaitá, onde recebeu os primeiros socorros a seguir foi encaminhado para o Hospital João Paulo, vindo a falecer na capital de Rondônia após uma semana de luta pela vida.
O corpo está sendo liberado em Porto Velho para ser velado pela família em Humaitá.
A nós mortais, resta o desconforto de saber que podemos ser vítimas de motoristas irresponsáveis que sem avisar podem acabar com os maiores sonhos deixando sorrisos alegres apenas nas fotos estáticas dos porta-retratos.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com

.

terça-feira, 23 de março de 2010

ADEUS BURACO DA 5. ADEUS!

A novela envolvendo o que chamamos por mais de um mês de “O buraco da 5” chega ao seu fim. Nesse dia 22 de março, que, aliás, foi o dia internacional da água, a toque de caixa o que restou do buraco que se abriu devido ao rompimento de uma tubulação que contava mais de 60 anos. O motivo aparente da relativa rapidez não é nada mais nada menos do que a visita da Ministra da Casa Civil Dilma Rouseff que já esta confirmada para esta quarta-feira, quando vai inaugurar o Porto de Humaitá e assinar convênio para a realização de construção de ponte sobre o Rio Madeira.
Uma cidade tem, portanto, a face de uma casa, pois quem já não deu um trato especial devido à visita de um parente que há muito tempo não se vê? Humaitá está recebendo gente importante, e parece que são quase todos os dias, embora não tenhamos um colégio eleitoral consistente em números, ninguém pode abdicar de votos, pois “de grão em grão a galinha enche o papo”.
Pois bem, o buraco foi fechado, e até recebeu uma camada asfáltica, se não tivéssemos acompanhado este fato pequeno, irrisório, mas que revela detalhes incríveis de como as coisas funcionam nas pequenas cidades do Brasil, não poderíamos estar agora comemorando o seu fim em alto estilo, pois a Ministra passará por cima do buraco fechado, e, se for eleita Presidente, o Buraco poderá dizer: - Já estive no fundo do poço, quase servi de sepultura para um motociclista meio maluco, mas agora tive o prazer maior de todos os buracos, ser tapado e ter sobre si a passagem de uma Presidenta. “Ah muleque”!


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

segunda-feira, 22 de março de 2010

RUA DAS CAMÉLIAS, “HAVIA UM CABO NO MEIO DO CAMINHO’


Em Humaitá temos um serviço de telefonia péssimo os orelhões não funcionam, quando algum deles dá o sinal de que pode ser inserido o cartão, a seguir é enviada uma mensagem dizendo que o mesmo é inválido e assim caminha nosso povo incomunicável, como detento perigoso.
Já noticiamos um descaso feito no Bairro de São Sebastião, quando um fio transmissor estava jogado no chão e todos os terminais a mostra e milhares de micro fio destruídos. Pouco de, pois que enviamos a matéria o problema foi solucionado com uma “gambiarra”, mas que está funcionando.
Agora, poucos meses depois o problema se repete desta vez na Rua Camélia, um lugar calmo e simpático encravado no Bairro de São Francisco, em que as pessoas são trabalhadoras e infelizmente já se acostumaram com o péssimo serviço prestado pela Oi na cidade.
Como o cabo de transmissão de dados estava muito baixo, quando um ônibus passou no local derrubou o cabo que após visita e má vontade dos prestadores de serviço da Oi na cidade (informação dada pelos moradores) continuou no mesmo jeito que pode ser observado na foto acima.
Enquanto ninguém resolve o problema do cabo que caiu, milhares de mensagens de felicitações deixam de ser enviadas, emergências são desconhecidas e negócios deixam de acontecer piorando ainda mais a vida de nossa gente tão sofrida.
A mordaça da incompetência de empresas como a OI fazem de Humaitá uma cidadela sem lei, aonde o povo é sempre que leva a pior em tudo.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com

sábado, 20 de março de 2010

MORADORES DA AVENIDA PARANÁ PERGUNTAM: AINDA SOMOS GENTE?




     Quem mora na Avenida Paraná (que fica entre a Lamana Motos e a Oficina do Codó) além de não contar com a limpeza do mato na via, convive com o não recolhimento do lixo em parte do logradouro que já se acumula causando mau cheiro e a conseqüente proliferação dos ratos.
      Várias reclamações foram feitas sem, no entanto haver nenhum tipo de ação para acabar ou diminuir o problema. Fato é que partes da cidade estão sendo beneficiadas enquanto outras mais parecem com o Jurassic Park, no total abandono, resta a esta pequena parcela da população a pergunta que não quer calar; Quando seremos gente de novo?


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

DILMA E ALFREDO POR AQUI NESTA QUARTA 24/03... LULA?

            
          Está previsto para acontecer nessa quarta-feira por volta das 9:00h a inauguração do novo Porto de Humaitá. Já está sendo anunciado na cidade em alto e bom som que o evento contará com as presenças do Ministro dos Transportes Alfredo Nascimento, do Governador do Amazonas Eduardo Braga e coroando a ocasião também deverá estar a Ministra da Casa Civil e candidata a Presidência da Republica, Dilma Rousseff, cogita-se que o próprio Lula poderá também dar as caras por aqui, por enquanto é só especulação.
            O porto era uma aspiração antiga de toda a comunidade, que embora já contando a cidade com mais de 140 anos, tinha uma estrutura fluvial arcaica que mais parecia com as usadas no descobrimento do Brasil.
            Além desta grande festa pelo Porto, estão prevista também a assinatura de convênios para a construção da ponte sobre o Rio Madeira além de anuncio de vários benefícios que chegarão a região através da mão generosa do Governo Federal.
            Com toda esta expectativa em volta de tantas realizações históricas na cidade, resta uma pergunta: Será que o governo do Município conseguirá aproveitar esta oportunidade de mudar para sempre os destinos da cidade? Ninguém nunca teve tanta coisa boa a comemorar num tempo tão pequeno como Dedei.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com

.

sexta-feira, 19 de março de 2010

CASAS MAIS CAPRICHADAS, A HORA E A VEZ DO BOM GOSTO

A forma com que se constroem novas casas diz muito a respeito da vocação atual de uma cidade. Se levarmos isso em conta vamos chegar a conclusão que algo de novo vem acontecendo em Humaitá Amazonas.
                Desde que começaram as novas obras de recapeamento asfáltico na cidade, algum moradores tiveram enfim o ânimo que esperavam para construir sua casa dos sonhos. Passeando por bairros como os de Nova Esperança, São Sebastião e Nova Humaitá, pode-se ter a dimensão exata do que está acontecendo.
                Trata-se de um novo avanço que indica melhorias substanciais na qualidade de vida, pois um casa bem feita valoriza as outras próximas, e por um efeito que não gostaria de chamar de inveja, os outros imóveis existentes vão tomando uma outra configuração, diferente do popular retângulo com um telhado triangular por cima.
                Imóveis já começam a ter o seu valor melhorado, provando que o caminho que está sendo seguido é o certo. Há de se ressaltar, porém, que existe uma chance única, que provavelmente não será aproveitada pelo governo municipal de proceder um ordenamento no planejamento urbano. A história prova que o reordenamento é muito mais custoso.
Os exemplos dados dos vários becos que já fazem parte da paisagem malograda urbana, herança maldita de outros governos é o grande exemplo. Como no caso de Beco da Beleza que não possui saída além de não permitir tráfego de automóveis, retrata bem essa realidade.
                Nestes tempos em que poderemos receber a visita de uma possível futura Presidente, botemos nossas mentes para funcionar, não como a face de uma história autoritária dona e senhora da razão, mas apreciadora de opiniões divergentes, que convergem para um denominador comum, o sucesso e progresso de todo um povo.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

quinta-feira, 18 de março de 2010

DIÁRIO DE UM EX-DURO

Olá você não me conhece, sou uma das pessoas que passam batido por aí, numa época da vida precisei muito de um amigo meu chamado Luiz Henrique, ele tinha uma quantidade muito boa de dinheiro, falando a verdade o cara era rico.
Como passei por muita dificuldade financeira meu amigo era sempre abordado por mim, cansei de pedir dinheiro emprestado, às vezes ele me dava e muitas outras não. Esse meu grande amigo aparecia com muitos bens, viajava para o exterior, andava sempre com mulheres bonitas, pagava tudo a vista, enfim ele tinha café no bule.
Como o tempo é senhor da razão e a gangorra sobe, mas também desce, esse meu chegado começou a ficar duro, sem grana, isso não foi da noite pro dia, demorou algum tempo, foi algo assim homeopático. Com cinco anos depois da minha dureza extrema as coisas começaram a ficar boas pra mim.
Sem saber, da noite pro dia descobri que um tio meu sem herdeiros resolveu deixar pra mim tudo o que possuía, e olha que era muita grana. Ele me chamou para ir a sua mansão no interior da Bahia, e quando lá cheguei, ele me recebeu meio fraco, pois fora acometido de um mal que não costumava deixar resíduo humano, resumindo, meu tio iria morrer, e logo.
Perguntei pra este tio o porquê da minha escolha, ele me disse que sempre foi rico e nunca conseguiu que ninguém o amasse sem considerar o seu dinheiro primeiro, e como não sabia onde eu morava, empreendeu uma busca constante para me achar e me encontrou em Humaitá no Amazonas. Ele ressaltou que dos seus irmãos a que ele mais amava era a minha falecida mãezinha, e como soubera que ela já não contava mais no senso dos vivos me elegeu como seu sucessor para recompensá-la mesmo após a morte.
Minha curiosidade quis saber mais sobre o relacionamento entre minha mãe, Dona Augusta e meu tio Dozinho, perguntei-lhe: Tio Dozinho, Oh meu tio, o que mamãe fez para o senhor gostar tanto dela?
Tio Dozinho respondeu: - Quando eu era pequeno todos em casa riam de mim, pois tinha dificuldade de falar e gaguejava muito, passei muito tempo para vencer o medo de falar com as pessoas, só sua finada mãe que nunca zombou de mim. Nesse momento passei a amar mais ainda a minha finada mãezinha, quando sai dali fui até a sua cidade natal e mandei fazer uma coroa de flores, não economizei dinheiro, minha mãezinha vale ouro, mesmo depois de morta.
Já sabedor dos motivos do meu tio Dozinho, contente perguntei ao advogado o que me esperava, ele me assombrou positivamente dizendo:- Não temos o calculo total, porém posso lhe assegurar Drº Carlito (este era o meu novo nome Drº Carlito) que a soma é surpreendentemente valiosa. Drº Afonso começou a lista:
Uma fazenda em Goiás com 5000 cabeças de gado de corte.
Dois supermercados em  Itabuna na Bahia;
Cinco prédios de apartamentos no Rio de Janeiro, dois em construção.
Um avião a jato no valor de 30 milhões de dólares.
Após esta pequena demonstração pedi ao ilustre advogado que não me falasse mais nada, haja vista que a lista estava apenas com dez por cento de seus itens.
Deixei o meu tio moribundo já com um cartão ilimitado na mão. Podia comprar de uma agulha a um avião se quisesse. Cheguei a Porto Velho, tomei um carro para Humaitá e cheguei rapidamente. Resolvi pregar uma peça no meu amigo que agora estava duro, mas ainda dava uma de bacana, ele não sabia que eu detinha uma  informação que dizia que agora só cobradores e agiotas faziam visitas de boas vindas em sua badalada casa.
Resolvi fazer uma brincadeira fiz uma carta e deixei na caixa de correios de sua casa ali falava;
Meu grande amigo “Rique”, você sempre me ajudou, por isso resolvi lhe ajudar, seu carinho e amor por mim vão ser medidos pelas vezes que o meu celular tocar e você atender, ligarei pra você e ficarei vendo sua atitude de longe, se você atender no primeiro toque, darei a você, repito darei a você cem mil Reais, no segundo cinqüenta mil, no terceiro trinta, no quarto vinte mil, no quinto dez e se não atender darei quinhentos Reais , creio que você deverá me atender na primeira  vez.
Antes de fazer o teste fui ao banco e saquei cem mil Reais e segui em direção a casa de meu amigo, fiquei numa certa distância e pude vê-lo. Do alto de uma casa próxima  comecei o teste, é claro que antes de tudo coloquei a carta em sua caixa dos correios.
Peguei o meu celular e comecei o teste, o telefone tocou e ele observou o número ligado, falou uns palavrões e deixou de lado. Esperei mais um pouco e liguei de novo, mais uma vez ele soltou um impropério e não quis estabelecer contato. Lá se iam cinqüenta mil, após a quinta vez, meu amigo jogou o telefone com tanta força que pensei que ele não iria resistir. Não sobrando mais nada a fazer, resolvi ir pessoalmente a casa de meu “amigo”com uma maleta cheia de dinheiro na mão.
Toquei a campainha  e logo fui atendido por uma empregada que dizia que ele não estava, eu insisti dizendo que sabia que ele estava lá e tirei uma nota de cinqüenta Reais e falei: - Veja direito por lá, acho que ele vai gostar de me ver. Ela prontamente foi chamá-lo e ele veio. Quase não abriu o portão, então falei pra ele se alguma correspondência estranha havia chegado em seu endereço, rapidamente ele seguiu até a sua caixa de correspondência e tirou o envelope de lá.
_ Mas quem mandou foi você!
_ Isto mesmo respondi. Deixe-me entrar e explicarei tudo.
Continuei: - Durante muito tempo fiquei em dúvida se toda aquela ajuda que você me dava era espontânea, ou má vontade ou esmolas. Então leia.
Ele começou a ler e a dar fortes risadas.
Interrompi a palhaçada e abri o jogo.
- Rique, nesse mundo, amigos são coisa rara e agora chegou a minha vez de ser feliz, queria fazer de você um homem mais feliz com o recurso que agora tenho. Não vou falar como consegui tudo isso, mas creio que se você ver quantas vezes te liguei perceberá que perdeu cem mil Reais.
Ele me interrompeu: - Você é o maior pé rapado da cidade... Rapaz depois eu te dou algum pra você comprar um quilo de carne.
- Agora eu tenho cinco mil cabeças de gado não preciso de esmolas.

Não agüentei mais abri a mala, mostrei a dinheirama pro infeliz e  falei :

-Durante os cinco anos que nos conhecemos você já me emprestou mil e duzentos Reais. Tá aqui todo o dinheiro, mais quinhentos Reais de juros e mais quinhentos como estava na carta. Passar bem. “Amigo”!

Fui embora, deixando atrás de mim um homem falido duas vezes.
O mundo dá muitas voltas.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com
imagem:  orebate-wilsongordonparker


.

INSTITUTO RENASCER, UMA NOVA CHANCE PARA A VIDA

Problemas humanos causam pavor em certas pessoas, como se vê claramente no relato bíblico em que um judeu foi atacado numa estrada perigosa ficando quase morto a beira do caminho, dois compatriotas passaram por ali, viram o caso e nada fizeram nesse caso eles ainda eram líderes religiosos, o que fazia de seus atos ainda mais brutais, entretanto a história não acabou assim, pois um dos membros de um a outra nação considerada inimiga resolveu ajudar e ainda fez mais do que devia, dando recursos médicos, hospedagem e tratamento diferenciado.
Meninos de rua, mendigos, viciados, constituem-se um verdadeiro problema dessa geração, há casos de famílias que abandonam de vez os seus mais chegados parentes por acharem que não há mais esperança. É nesse ponto que instituições como a Renascer fazem a diferença, o que as pessoas fingem não existir, o problema que querem empurrar pra debaixo do tapete é a especialidade dessa instituição que já está em Humaitá.

Esta obra de fé foi fundada em 2001 pelo Padre Jaso Ribeiro da Silva que ajudado por um grupo de jovens de Quirinópolis, estado de Goiás, resolveram acolher os andarilhos, depressivos, dependentes químicos e alcoólatras, suprindo suas necessidades de afeto, manutenção da vida e condição espiritual.
O atual coordenador da instituição em Humaitá, Irmão Marcelo Junior Pereira, foi um dos que recebeu o tratamento e além de se recuperar do vício d droga, hoje faz parte da organização como um dos maiores exemplos de determinação coragem e amor ao próximo.
A instituição já está em Humaitá desde janeiro de 2010, fica situada no Km 12 da Rodovia Humaitá-Manaus, acolhe jovens e adultos com dependência química, alcoolismo e outros, tem o incentivo permanente do Bispo diocesano de Humaitá Dom Francisco Merkel e precisa e conta com a ajuda de toda a sociedade local.
Existem várias formas de colaboração, para fazê-la basta entrar em contato com a coordenação pelos telefones: (97) 3373-1356; (97) 9157-3569.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

terça-feira, 16 de março de 2010

RUA MONTEIRO, CONHEÇA SEU LADO MONSTRUOSO

                 Quem caminha pela Rua Monteiro entre a Igreja matriz até o novo Porto tem a impressão de que a via tem sido bem tratada pela atual administração, entretanto após o Cemitério antigo a coisa vai tomando características de abandono e desolação.
                O trecho dá acesso a balsa que faz a travessia ao outro lado da Transamazônica sentido Distrito do 180 e deveria ser vital para fazer esta ligação, entretanto o que pode ser percebido por aqueles lados é o mais completo abandono.
                Após passar o Cemitério antigo, chega-se a primeira ponte que embora esteja um pouco melhor que a segunda, ainda não é um marco de referencia e está tomada pela lama em sua saída. A surpresa mais desagradável, porém vem logo depois. Tem-se a impressão de que a segunda ponte de madeira esta ruindo e a lama é tão intensa que até de bicicleta  corre-se riscos de tomar um banho de lama.
                Alguns moradores presenciaram a visita do Prefeito ao local e esperam dele providencias urgentes, pois por ali quase já há um costume de achar que aquele lugar não faz parte da cidade, sendo algo mais parecido com um campo de concentração ou um cenário de guerra e destruição.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.


VALA CAUSA DESCONFORTO NO ZECA IRARÁ



               Há lugares em Humaitá que a maioria das pessoas sequer conhece ou ouviu falar, um deles é o Beco Zéca Irara no bairro de São Domingos Sávio, trata-se de um ramal da Rua S3 (paralela com a Avenida Transamazônica), embora escondida a via tem sido bem tratada pela atual administração, podendo-se ver visivelmente que o mato tem sido roçado e o lixo recolhido religiosamente em dia.
            O que precisa ainda ser observado com carinho é uma pequena vala na entrada do lado esquerdo que faz com que poucos motoristas se arrisquem, enquanto estávamos no local a pedidos dos moradores, pudemos observar um caminhão que quase ficou atolado demonstrando que as queixas fazem sentido.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

PORTO DE HUMAITÁ, COMEÇA A CONTAGEM REGRESSIVA PARA UM NOVO TEMPO

               O Governo Federal investiu mais em Humaitá, nesses quatro últimos anos do que todos os outros que já passaram, a incredulidade comum em quem já foi constantemente enganado dá lugar a um sentimento patriótico de fazer parte do contexto nacional e não um subtipo de brasileiro de segunda categoria.
                Um dos marcos nesse novo rumo desenvolvimentista que toma conta de Humaitá é a BR 319 em seu trecho que liga a cidade a Porto Velho, capital mais próxima, pois a reconstrução da rodovia, melhor nome dado a tudo o que foi feito, fez com que uma simples viagem de apenas 200 Km que chegava a demorar até mais de que 8 horas venha a ser feita no tempo normal de entre duas horas reduzindo o consumo de combustível e o estresse comum nos freqüentadores da via.
                Amazonas é água, o povo vive das histórias e riquezas de seus rios. Não daria para pensar em desenvolvimento sem passar pelos muitos rios da região. Através dessa rica realidade molhada o Governo Federal sensibilizado com a situação de cidades como Humaitá resolveu investir no transporte fluvial, fazendo o que é mais custoso, a construção de estações portuárias onde os trabalhadores sofridos que vêem multiplicados os problemas de coluna, poderão descansar suas dores e clamores, num porto de chamar a atenção.
           O novo Porto vai contar com três plataformas, a distância total passará de 100 metros do terminal, nas plataformas auxiliares que farão a ligação haverá a suavização da inclinação nos casos de baixa dos tempos de verão, dessa forma o porto funcionará com a mesma versatilidade em qualquer tempo do ano, embaixo de chuva ou sob o sol escaldante.
          As plataformas ficarão presas ao fundo do rio por enormes blocos de concreto maciço capazes de suportar as piores intempéries climáticas.
       Além de tudo o que já pode ser percebido o Governo Federal investiu em acabar com injustiças históricas que envolviam os postulantes a aposentadoria, principalmente a rural, através de ações envolvendo a justiça vários erros foram corrigidos e pessoas que já deveriam estar aposentados há mais de dez anos receberão os valores devidos com correções para poderem tornar o resto de suas vidas menos dolorosas e mais reconfortantes, estima-se que os valores iniciais que chegarão à cidade ultrapassarão a casa dos 3, 5 milhões de Reais.
        No resumo da ópera podemos dizer com total certeza que Lula e sua indicada Dilma Rousseff receberão expressiva votação por estas bandas e para Alfredo Nascimento o gosto da vitória se avizinha como o precioso néctar das flores que enriquece o mel.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com
                

SÓ ENTRE MILHÕES

     O choro solitário da mulher abandonada pelo seu companheiro, o clamor do endividado em busca de uma nova chance, o peso de olhar ao redor e saber que mesmo sendo popular o mundo é um imenso deserto e você a presa certa para leões famintos.
Nunca tivemos tanta gente no espaço terra como agora, não desfrutamos em séculos de história humana uma comunicação tão ativa e produtora como nos dias atuais. São ORKUT, Blog, Twiter  além das Televisões, celulares e toda a parafernália comunicativa que cercam essa geração.
E porque estamos sós? A razão é simples, ninguém é capaz de fingir eternamente uma mentira, assim aquele amigo, amante dos churrascos de fim de semana, vai acabar revelando um dia que se aproveita de sua condição favorável. Então as dificuldades poderão bater a sua porta para que você reconheça quem são os chegados de verdade a você.
A palavra certa no momento certo faz toda a diferença e muitas vezes você vai à casa daquela pessoa que você pensa ser um grande amigo e descobre que já não pode mais contar com ela. È aquele atendimento indiferente, palavras meio desarmoniosas e um clima frio, diferente de quando você estava com saúde, dinheiro, fama e outras coisa mais.
A grande verdade amigo humano solitário, é que agora você está reduzido aos poucos que realmente se importam, geralmente mães e pais, maridos esposas ou filhos e se tiver alguém fora desse círculo levante as mãos pro céu, fique feliz você não está só na selva de pedra.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com
imagem: justoeu.files.wordpress.com


.

segunda-feira, 15 de março de 2010

MUITA LAMA E RISCO DE DESMORONAMENTO NA RUA 5



Um verdadeiro lamaçal tomou conta da Rua 5 de Setembro neste dia 15 de março, com as freqüentes chuvas que insistem em não parar as obras realizadas a pouco tempo e ainda não concretizadas ameaçam ir literalmente por água abaixo.
Os serviços não foram acompanhados com a sua conclusão asfáltica, o que está gerando um risco de desmoronamento das extremidades, principalmente as que ficam ao lado da Lan House Stampy. Pode se ver claramente pequenos blocos de barro se despencando lentamente anunciando um possível problema que poderá acarretar a perda total ou parcial do serviço que foi feito.
O Buraco da 5, nome dado ao serviço encomendado pela Secretaria de Infra-Estrutura demorou mais de 10 dias para ser parcialmente concretizado, provocou acidentes envolvendo três motociclistas e agora com as intensas chuvas e a falta de acompanhamento do poder público local, o risco de ocorrerem mais acidentes é grande.
Esperamos que tudo se resolva e que as obras possam resistir até a sua conclusão.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com

.

domingo, 14 de março de 2010

ACREDITE, ISTO É UMA AVENIDA


“Há pessoas que são mais pessoas, assim como há lugares que são mais lugares”. Nas cidades pequenas o sobrenome, ter conhecimento na maquina pública ou mesmo ter algum dinheiro pode ser primordial na hora de se obter algum serviço que está sendo feito em toda cidade, mas que na sua rua demora ou nunca chega.

Este é o caso da Avenida Paraná, no bairro de São Pedro que começa ao lado da Oficina do Codó, mecânico muito popular na cidade e deveria seguir em frente e entrar até o bairro de São Sebastião. O local está completamente abandonado; muitas crianças que moram por ali são ameaçadas por cobras, escorpiões e aranhas.
Os moradores do local já reclamaram, entretanto nada é feito e o descrédito vai tomando conta de todos, pois nem mesmo o corte do mato que já está voltando a virar floresta é feito.
Avenidas são a marca de uma cidade, o tratamento que é dado a elas revela quanto amor os dirigentes municipais têm verdadeiramente por suas cidades, pelo que pode ser observado em Humaitá, o amor pelo povo e pela cidade anda no nível do rodapé da boa vontade.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

sábado, 13 de março de 2010

GOVERNADOR FAZ VISITA RELÂMPAGO E NÃO GOSTA DO QUE VÊ

   Humaitá foi visitada hoje, 12 de março por seu cidadão mais ilustre, o Governador do Estsdo Eduardo Braga, logo ao chegar por aqui ele anunciou o motivo de sua visita, vistoriar o andamento das obras do Hospital novo bem como ver de perto os avanços promovidos pela renovação da malha viária da cidade, principalmente nos bairros periféricos.
   Por onde andou o governador esbanjava sorrisos e cumprimentos cordiais, típicos de um político em campanha. Ao chegar na construção do novo hospital, que até bem pouco tempo estava totalmente parada, solicitou a possibilidade de se aumentar em 30 centímetros a altura das paredes, achando que o pé direito da obra está baixo. O número de funcionários da empresa Vema era de chamar a atenção pela quantidade.
    Após sua primeira impressão sobre as obras do hospital, Eduardo Braga foi em direção ao bairro de Nova Esperança e São Sebastião, fazendo um giro rápido e verificando os serviços de asfaltamento e tubulação de águas fluviais, depois foi em direção ao porto que está quase sendo inaugurado por seu rival o Ministro Alfredo Nascimento, no caminho resolveu parar na Rua S1, que está sendo consertada agora, após muito sofrimento de seus moradores.
    O momento mais aguardado em todo o trajeto seria nas dependências do Ginásio do Colégio Patronato, onde o governador discursaria, porém o fiasco ficou notório a todos, no local não havia quase ninguém e decepcionado o governador tomou o microfone do mestre de cerimônias Elias Pereira e alegou que tinha compromisso urgente e não podia ficar mais. Ninguém sabia aonde colocar a cara, o constrangimento era notório.
    Tudo foi meio de surpresa e a visita do governador pegou o gabinete de calça curtas. Para dar a impressão de popularidade foi reservado para quem queria uma grande quantidade de combustíveis, e assim quando chegou o Governador tinha a sua espera uma grande quantidade de pessoas pagas com combustíveis.
   Ao voltar rapidamente para o aeroporto, todo o aparato se desfez, poucos estavam no aeroporto para dizer adeus para Braga, quando passou pelo hospital já não havia mais ninguém trabalhando, e tudo indica que o governador tenha levado a pior das impressões desta terra maravilhosa e de açaí puro.
   Resta agora para os membros do governo municipal juntar os cacos, colar os pedaços e ter a real convicção que combustível não compra o sorriso sincero de ninguém, que a falta costumeira de um sorriso, de um abraço, de uma palavra amiga, cobra caro num dia como esse em que as máscaras vem ao chão mostrando a verdade de cada um.


Haroldo Ribeiro
www.amazontime.com


.

sexta-feira, 12 de março de 2010

TUDO BEM, O GOVERNADOR CHEGOU!



A obra do buraco da 5, constantemente abordada por nossa redação por estar na avenida mais importante da cidade, tem seu fim anunciado e próximo. Causou-nos surpresa vê-la bem sinalizada (ainda que as lâmpadas não acendessem e algumas foram roubadas de madrugada) com cones bem ornamentados e etc. e tal.
Descobrimos de forma intrigante que tudo está sendo preparado por que o Governador do estado estará na cidade neste dia 12 de março. Não é errado pintar a cidade, enfeitá-la para a visita de  uma autoridade famosa, porém conforme anunciamos por falta de uma sinalização melhor elaborada um jovem da cidade sofreu um grave acidente, com uma moto emprestada e tem que arcar com o prejuízo que é o menor, pois podia ter perdido a vida.
Se tivéssemos homens públicos suficientemente preocupados com a vida humana, não teríamos que esperar até que um cidadão ilustre viesse a cidade para que as coisas ficassem bonitas e maquiadas.
No demais temos o nobre desejo, e este é: que o nosso governador resolva morar por aqui, quem sabe seremos sempre tratados como gente afinal.

Haroldo Ribeiro
WWW.amazontime.com

NETO E JULIO CESAR, É HUMAITÁ LÁ!

Seguindo os passos de duplas sertanejas como Zezé di Camargo & Luciano, Leandro & Leonardo e Chitãozinho & Xororó, que saíram do interior para tentar a sorte na cidade grande, a dupla sertaneja Neto & Júlio César buscam um lugar ao sol. Nascidos em Humaitá e criados em Apuí, os dois resolveram tentar a sorte na capital. 


O interesse pela música quando os dois eram crianças e se tornou o grande objetivo da vida dos garotos. A criatividade foi o ponto decisivo para os dois terem uma infância musical, apesar das dificuldades. “O Júlio fazia violão de lata de goiabada e começava a tocar”, recorda Neto, que destaca com seus grandes incentivadores os amigos da igreja, da qual eles participavam como integrantes do grupo de liturgia, formado por pessoas que auxiliam na celebração da missa.


Apesar de irmãos, os dois possuem personalidades bem diferentes. De poucas palavras, a timidez é uma da características marcantes em Júlio, 20. Enquanto Neto, 22, mostra – se mais extrovertido. Porém, as diferenças desapareceram no palco, com os dois mostrando firmeza e soltando a voz com entusiasmo. “Acho que foi um dom de Deus”, disse o pai, Antônio Pinheiro, orgulhoso.


A dificuldades financeiras impediram que o pai dos meninos comprasse seus instrumentos. Porém, os dois não desanimaram e como toque de mágica, ganha – se um presente um violão, doado por um medico, que estava de passagem pela cidade.


Com a conquista do instrumento, os dois começaram a fazer apresentações em clubes e eventos pela cidade. A dedicação e a boa performance no palco superou as expectativas e valeu para os irmãos dois violões novos, doados por amigos da família. “Eles passaram a dar aulas em casa e deu para sentir o interesse pelo instrumento e cresceu por parte das crianças e adolescentes na cidade”, relatou o pai.


Nascidos em Humaitá (a 590 quilômetros ao Sul do Amazonas), eles foram criados em Apuí (a 453 quilômetros também ao Sul do Estado), onde começaram a realizar sua primeiras apresentações. “A cidade, com 15 mil habitantes, ficou pequena para o nosso trabalho. Foi quando decidimos vir para Manaus”.


O incentivo veio por parte de uma equipe do canal Amazon Sat. “Eles foram cobrir a Festa de Peão do Apuí, nos viram cantando e indicaram Manaus para mostrar o nosso trabalho”.


Texto e fotos enviados por: Januário Neto