Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

O Pará continua grande!



                Pará, o estado monstro no extremo norte do Brasil
, vai continuar grande, é o que decidiu a maioria da população com mais de 60% contra a divisão no plebiscito de domingo, 11 de novembro. Com a decisão tudo permanece como está o estado continua grande e desigual como sempre. Lá como no Amazonas as concentrações de obras públicas estão na capital , as estradas são um fiasco e o estado ainda não encontrou a sua verdadeira vocação econômica.
                Se tivessem escolhido a divisão, embora fossem obrigados a criar um grupo maldito de novos políticos, poderiam ver nascerem mais duas frentes de crescimento, e assim, poderiam dar uma vida melhor para moradores dos novos estados que surgiriam. Os Estados Unidos é um país com um tamanho semelhante ao nosso e conta com 50 estados, esta divisão favorece a governabilidade fazendo com que os estados possam ser mais facilmente administrados, no Brasil temos praticamente a metade dos estados e alguns que são verdadeiros países dentro do Brasil, como o caso do Amazonas e o Pará.
                Os defensores da criação dos dois novos estados foram derrotados, não souberam argumentar ou o povo não compreendeu a razões para tal, seja qual for a mensagem declarada nas urnas, o certo é que os problemas de saúde, infra-estrutura, educação e economia continuarão os mesmos, o povo vai ficar na mesma, pois se não arriscaram em favor da mudança deverão arcar com a decisão escolhida.
                Outro fator que deve ser ponderado é à força dos grandes centros nestas decisões em massa, se o plebiscito fosse realizado no Amazonas o peso de Manaus seria decisivo, fato similar ocorrido no Pará com sua capital Belém. A escolha do povo deve ser acatada. Feliz estado continuado, tudo na mesma!

Haroldo Ribeiro
imagem: otavioaraujo.blogspot.com

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade