Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Consultor do Banco Mundial visita a cidade




Egídio Guerra, consultor do Banco Mundial
esteve em Humaitá no feriado do dia 02, ele veio à cidade a convite da Presidente do PT Altanira Ulchoa e foi recebido pelo prefeito da cidade Dedei Lobo em seu gabinete. A conversa foi bem informal e todos tiveram a chance de falar.


Dedei deu um relatório de tudo o que ocorreu nos últimos tempos de sua administração, disse sobre o prêmio que ganhou nos Estados Unidos como prefeito empreendedor. Dedei começou falando da distribuição de renda promovida por sua forma diferente de administração reconhecida em todo o país e fora dele, de como através da contratação de micros e pequenos empresários tem revolucionado a distribuição de renda. Mostrou-se inconformado com a distribuição da zona franca para cidades próximas a Manaus quando cidades como Humaitá amargam um índice de desenvolvimento abaixo do esperado por conta da falta de recursos, além destas afirmações Dedei também disse que  os governos federal e estadual podem pagar mais e melhores enquanto as prefeituras são obrigadas a remunerar mal seus colaboradores. Dedei ainda citou a questão de reduções de impostos que são promovidas pelo governo federal, mas que só prejudicam os municípios como o caso da redução do IPI, “no final somos nós quem pagou a conta”.
A primeira dama Arnaldina também contribuiu afirmando que em matéria de educação o tratamento dado a municípios como Humaitá deveria ser diferente, pois a cidade tem dimensões de alguns países tendo, portanto um custo maior para desenvolver a educação, porém a quantidade de recurso é a mesma de outros lugares que não têm a mesma realidade.
Egídio Guerra disse que os feudos do passado e suas mentalidades estão desaparecendo, pois com a administração Dilma as coisas estão indo para o lugar. Se compararmos os índices do governo Lula com os outros ele ganha de todos, embora isso seja uma realidades não posso afirmar que a saúde e a educação estão bem, não podemos colocar esta culpa no PT , A Dilma tem feito as mudanças , o modelo político do passado tem que ser enterrado, não é mais possível parar este processo.
“O Bolsa Família já dá condições das pessoas se alimentarem. Na Europa este valor é de 1000 Euros, aqui em se falando em menos de 200 reais houve uma grande briga. Na ONU não preciso fazer política, nisto o prefeito desta cidade é um grande prefeito, alguns se fecham em suas salas para não enfrentarem os problemas.
[...] No Ceará havia zero escolas técnicas, o atual governo fez cento e cinqüenta, ele não quis fazer prédios bonitos. Lá estão sendo construídas policlínicas, assim evita-se que os moradores  desloquem-se para as cidades grandes.
[...] em sua musica Man In The Mirror (Michael Jacson) descobrimos que as mudanças começam quando se muda o homem que está no espelho. A geração que está destruindo o mundo criou uma educação sem sabor, uma política corrupta e uma cultura empacotada. Quando citei isto o presidente da UNESCO chorou. Nossos jovens vêm seus pais lutando sem nada conquistar.
[...] O movimento Hip-Hop tira mais jovem das drogas do que a maioria dos programas sociais do governo, todos acham que o problema é o dinheiro, mas a maioria não tem projeto para que o dinheiro chegue!
[...] Eu sou judeu e no meu país se um soldado quiser ele pode questionar um general, nas nossas universidades e em outros lugares querem nos calar e podar as nossas qualidades, na nova realidade não importa mais a patente,mas sim a obra.
[...] O novo perfil de gestor deve ser de orquestra e não de uma receita fechada pelo desejo de um, é preciso saber o potencial de cada um ser humano.”


Samuel Pessoa Coordenador da Juventude de Porto Velho trouxe sua contribuição falando das iniciativas feitas na capital vizinha, ele citou o Banco do Povo que fomenta crédito de até 6 mil reais  para a abertura de pequenos negócios e que já financiou mais de 100 novos projetos. Houve um processo de ensino realizado pelo município que deu formação para vários jovens e indicando estes mesmos. Assim o jovem  que não conseguiu vaga no mercado de trabalho pela formação nos cursos promovidos pelo município recebeu dinheiro do Banco do Povo para abrir o próprio negócio.
Sobre a questão das drogas Samuel também trouxe uma idéia nova que se baseia na multiplicação de idéias pelo alcance de lideranças estudantis. O projeto é feito com kits informativos de linguagem fácil e que conquista a juventude com facilidade.
Estas idéias foram trazidas para Humaitá e devem ser aplicadas, após a devida apreciação e adequação.
A reunião seguiu com várias colaborações dos presentes que saíram do local com os ânimos renovados.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade