Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

domingo, 27 de maio de 2012

Ele apareceu na cidade lesou várias pessoas e sumiu



           Os Membros do AA (Alcoólicos anônimos) são muito respeitados
, se alguém disser que fez ou faz parte deste grupo de pessoas vencedoras que conseguiram livrar-se de um grande mal que destrói lares, anula vidas e elimina sonhos, este realmente será respeitado, principalmente em Humaitá, cidade em que milhares de pessoas são escravas do álcool. Ivanei José da Silva, nome dado por um cidadão que ficou na cidade por 22 dias e dizendo-se do AA, foi um que utilizou deste subterfúgio e por isso ganhou ainda mais respeito e confiança, ele  não passava de um picareta e estelionatário, segundo o popular Xexéu. O elemento disse que estava na cidade em busca de uma devolução da Receita Federal no valor de 611 mil reais, ele era convincente e para comprovar que falava a verdade tinha em suas mãos papéis timbrados do órgão dando total veracidade as suas palavras.
            Com um talão de cheques e muita conversa mole, o cidadão conseguiu um adiantamento em dinheiro com cerca de quatro ou mais pessoas da cidade, ele levantou mais de 6 mil reais. “Ivanei” disse que pretendia montar uma grande casa de show em Humaitá após receber os valores devidos pela receita. O estelionatário que estava hospedado no Mazon Palace Hotel  foi embora na sexta-feira, 25 de maio, ele sumiu do hotel onde estava hospedado, tomou um taxi e rumou para a capital vizinha, atrás de si, este elemento deixou gente que não confia mais nas palavras das pessoa e uma indignação que não tem tamanho. O caso está sob os cuidados da 8ª DRPC de Humaitá e logo o elemento deverá ter seu encontro com os rigores da LEi.

Haroldo Ribeiro

.

12 comentários:

  1. Esta mesma pessoa lesou outros em Planaltina - DF, então, eu gostaria de saber mais sobre este caso. Se alguém tem alguma informação sobre isso, favor me comunicar no e-mail danilosg@pop.com.br.

    ResponderExcluir
  2. Esta mesma pessoa lesou outros em Planaltina - DF, então, eu gostaria de saber mais sobre este caso. Se alguém tem alguma informação sobre isso, favor me comunicar no e-mail danilosg@pop.com.br.

    ResponderExcluir
  3. O mesmo aconteceu com um companheiro no Pará na cidade de PORTO de MOZ, onde ele levou do comp.R$ 5.000,00 (Cinco mil Reais,contando a mesma Istoria, e convencendo alguns companheiros com seu belo papo de stelionatario, só que comigo ele pegou no fio elétrico, pois disse a ele se ele não fosse embora de Belem eu o mandaria prende-lo ou eu mesmo o faria; Agora é dificil entende que gente como nós passado na casca do alho ainda caimos em situações como esta. Estou escrevendo la em cima Historia com I porque a dele é com I Mesmo, ´pois e assim que se escreve mentira.

    ResponderExcluir
  4. Esse sujeito, esteve em Oratórios - MG, no período de 01 a 31 de março. Estelionatário de plantão. Marginal. Se envolveu com uma professora, roubou-lhe dinheiro e foi para Belo Horizonte, MG. Esse sujeito, que se diz ser IVANEI JOSÉ DA SILVA, afirmava ser ex oficial da ONU. Ao que parece ele é nascido em Sete Lagoas, MG. Vive de golpes. Engana mulheres, homens e sempre inventa essa história da Receita Federal. Tenho várias fotos desse marginal. Vou postar, quero justiça!

    ResponderExcluir
  5. Esse sujeito que se diz ser IVANEI JOSÉ DA SILVA, é estelionatário e vive de golpes. Ele esteve em Oratórios, pequena cidade de MG e se envolveu com uma professora e dela arrancou muito dinheiro. A mesma ficou endividada um bom tempo. Ele esteve na cidade de 01 a 31 de março de 2012. Ele já deu golpes fora do Brasil também. É perigoso e é marginal. Ele afirmava ser ex oficial da ONU e sempre inventa histórias da Receita Federal. Tenho várias fotos desse pilantra e vou postar todas por que quero justiça! CADEIA para esse canalha!

    ResponderExcluir
  6. Esse Ivanei não age sozinho.Ele atua com uma mulher. É um picareta de última categoria. CUIDADO! Esse sujeito não presta.

    ResponderExcluir
  7. Ele sempre anda com dinheiro estrangeiro, algumas moedas para impressionar. Gosta muito de músicas do Calipso. Ajudem a encontrá-lo! Tenho o número dos documentos desse marginal.

    ResponderExcluir
  8. Um dos documentos dele está no nome de uma mulher, não sei se vítima ou comparsa.

    ResponderExcluir
  9. Qualquer informação peço que entrem em contato no e-mail mendesana674@gmail.com.

    ResponderExcluir
  10. Se quiser encontrar o Ivanei josé da Silva, basta acessar o facebook dele. Busque por Ivanei dab Silva. Cheio de fotos dos lugares e pessoas que são possíveis vítimas. Ajudem a divulgar por favor. Ana Mendes

    ResponderExcluir
  11. Eu também fui vítima desse golpista. Morava no interior do Amazonas no Municipio de Boa Vista do Ramos e esse canalha apareceu em minha vida se passando por um ex oficial do exercito, contando uma historia que tinha que receber 1 milhão de reias da receita federal, ao longo dos meses, ele ganhou a confiança da minha familia e depois roubou cerca de R$ 10,000,00 e sumiu. Por favor gostaria de ter mais informações sobre esse caso que para mim é muito importante. Nunca perdi as esperanças de fazê-lo pagar por todo mal que ele me fez e tambem fez a outras pessoas,. Deixo meu e-mail, para que as pessoas que tiverem alguma informação entre em contato comigo. Email: lidia.adv20@gmail.com

    ResponderExcluir
  12. Eu também fui vitima desse canalha. Eu morava no Municipio de Boa Vista do Ramos, interior do Amazonas, e ele apareceu por lá se passando por um ex oficial do exercito, dizendo que precisava receber 1 milhao de reais da ONU, como indenização. Ao longo dos meses ele ganhou a confiança da minha familia e acabou roubando cerca de 10.000,00, e depois sumiu. Peço as pessoas que foram vítimas deste crápula ou que tiverem qualquer informação desse canalha, por favor entre em contato comigo pelo meu e-mail: lidia.adv20@gmail.com. Vamos nos unir e colocar esse canalha na cadeia.

    ResponderExcluir

Comente com responsabilidade