Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

sábado, 5 de maio de 2012

Você comeria? Na Coréia ainda pode


         A Coréia também gosta de uma boa carne de cachorro,
não é o cachorro quente conhecido em todo o mundo, pão com salsicha no meio, é carne de cachorro mesmo! Aquele que late e alegra nossos dias com sua fidelidade. Embora seja muito apreciado no país, existem muitos entre os nacionais que querem que os melhores amigos do homem não sejam devorados por eles naquele país.
         Kara é uma ONG de lá que luta para que os poodles e outras raças caninas não acabem na mesa de vários restaurantes especializados, antes de ser saboreados os cães são mantidos em condições sub-caninas, eles são colocados em jaulas aos montes e abatidos com golpes na cabeça ou enforcados. O “Kaegori” (carne de cães) é servido a milhares de anos no país e para muitos “a carne canina é preferível à bovina ou suína, sem comparação!” dizem muitos deles.
         Lá como aqui as leis muitas vezes já existem no papel, mas não são cumpridas, pois como a iguaria não provém de animal considerado gado e não deveria sequer ser vendido, porém a realidade é bem outra, restaurantes oferecem e são bem sucedidos na venda do produto que ainda tem muitos consumidores satisfeitos, ao que tudo indica os melhores amigos do homem, na Coréia e China vão continuar sendo tratados como inimigos a serem comidos.

Haroldo Ribeiro

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade