Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

terça-feira, 3 de julho de 2012

Abaixem o som, por favor!



Olha lá o Lamosa, ele vai tomar seu costumeiro
desjejum, grande homem este cara, ele é negro, mas batalhou na vida cara de sorte ... E de batalha também. Opa! Pois não Doutor?
- O de sempre Henrique!
- Tudo bem doutor!
- Oh Tião! Manda dois ovos mexidos no queijo, um pão Francês na chapa e um café com leite sem açúcar.
- Taí doutor, qualquer coisa é só me chamar!
Chegou outro, este também é gente fina, Seu Abelardo, o negócio dele é um suco de laranja com linhaça, esquisito, ele curte uma onda naturalista, parece que faz bem para ele.
Pois não doutor, o que vai hoje?
O de sempre Henrique.
Ei Tião o de sempre do Seu Abelardo!
Eu trabalho nesta lanchonete desde que eu tinha catorze anos, hoje conto com 24, foram dez anos de minha vida servindo gente da melhor qualidade. A cidade não é tão grande, mas já dá para perceber que as pessoas estão ficando mais distantes, sei lá... É o progresso.
Peraí estão vindo alguns rapazes vou ver o que eles querem.
- Pois não amigos?
- Ei Thiago, o que você vai querer?
- Uma cerveja bem gelada e um daqueles dali!
- Xande e você, o que vai?
- Desce um pastel e uma latinha de Antártica
- E aí Igor, não desce nada?
- Manda uma vitamina de cenoura com laranja e aveia, põe granola e mel.
- E pra mim um energético, pode ser Red Bull.
- Ei brother, põe um som na bagaça!
- Aqui amigos, mais alguma coisa?
- Não gente boa se precisar a gente chama,
- Tudo bem!
Os caras colocaram o som muito alto, o pessoal gosta de ficar numa boa aqui, sem muita barulheira. Além do mais Rock pesado e barulhento, é demais!
- Ei Henrique?
- Pois não doutor?
- Fale para os meninos para eles abaixarem o som, não consigo ler o meu jornal.
- É pra já doutor...
- Ei colegas o meu amigo, o Lamosa do outro lado ali, pediu pra que vocês desligassem ou abaixassem o som, tudo bem?
- Oh amigo... qual é o seu nome mesmo?
- Henrique
- Pois é Henrique, fale pro negão, que se ele quiser, ele mesmo pode vir aqui desligar o som.
-Tudo bem senhores.
- Ei doutor, eles disseram que se o senhor quiser que vá lá pessoalmente desligar o aparelho no carro.
- Tudo bem deixe comigo!
Não gosto quando estas coisas acontecem, o ambiente aqui é tão pacifico, pra que esta desordem? Ih! O seu Lamosa tá ligando pra alguém, quem será? Vai ver tá chamando um taxi. De vez em quando chegam uns filhos de papai aqui e querem fazer tudo o que dá na telha.
Caramba! Tá chegando um carro da polícia aqui. Já entendi, seu Lamosa ligou pros home, para dar um jeito nos moleques. Bem feito. Ih meu! Tão levando os caras algemados.
- Ei Henrique tá aqui o dinheiro, o troco é seu.
 Rapaz! Levaram todo o mundo, tudo algemado, os quatro, agora eles vão escutar o Rock deles na cadeia, mas filhinho de papai, amanha tá solto.

Uma semana depois...
- Ouvi falar que os caras saíram hoje da cadeia, aquele seu Lamosa é boca quente mesmo hein?
- Eu descobri que o homem é Juiz de Direito. Deu uma cana nos quatro. Os pais foram tentar soltá-los, mas os advogados disseram pra eles ficarem contentes, pois um deles até a mãe do juiz xingou no caminho, o policial me disse; sorte deles que o juiz não ouviu. Quando eles descobriram que era um juiz quase tiveram um treco, um deles ainda levou um sopapo de um PM, ele nem viu donde veio a bordoada, sou dono desta padaria há muito tempo e não sabia que aquele homem era juiz!
- É seu Afonso a gente atende todo o tipo de pessoa, por isso eu chamo todo o mundo de doutor, nesse caso eu acertei.      

Haroldo Ribeiro
 imagem: revistaafro.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade