Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Festa no interior quase termina em terror



           No interior existem muitas festas, principalmente nesta época
do ano alguns de seus frequentadores abusam um pouco mais no álcool e esquecem a compostura, outros são arruaceiros e gostam de ver o circo pegar fogo. Na comunidade São Rafael na descida do rio por ocasião da festa em honra a São Pedro houve a ocorrência de várias brigas ou chamadas vias de fato. Para coibir os excessos a polícia militar estava presente no local. Mas com o passar do tempo a confusão ficou generalizada e o coro comeu no salão.
            Por volta das 3h00min do dia a situação começou a se complicar obrigando os policiais a tomarem uma medida mais rigorosa, na ação para coibir os exaltados descobriu-se que um dos elementos, Claudenir Passos Rodrigues estava armado, porém ao ser abordado, conforme relatos dos policiais ele conseguiu passar a arma para outro elemento que estava atrás dele que não pode ser identificado. Os policiais conseguiram prender Claudenir, mas isto fez com que houvesse uma reação em cadeia, vários amigos de Claudenir começaram a dizer que se o levassem  teriam que levar a todos. Um dos amigos do agora detido ameaçou que iria pegar uma arma e atiraria na guarnição, Everaldo Lobato Brito cumpriu o que prometeu e mandou bala nos policiais que revidaram felizmente ninguém foi atingido, após disparar sua munição o elemento jogou sua espingarda no rio e foi detido pela guarnição. Uma cápsula deflagrada pode ser recolhida pelos policiais sendo identificada como de calibre 20.
            Mas a confusão ainda não havia acabado, com a detenção de um dos elementos, outro revoltado surgiu com um terçado ameaçando a integridade física dos policiais, Antonio Silva dos Santos também foi detido e para finalizar também Valdo de Souza Sodré  começou a incentivar os demais populares a se revoltarem contra a polícia e foi contido e detido de igual modo. Com todos os elementos presos os policiais tiveram que tomar um barco com destino a Manicoré e ao encontrarem outra embarcação que seguia para Humaitá trouxeram  os envolvidos nos fatos para a Delegacia Regional de Humaitá onde todos foram ouvidos e Everaldo Lobato permaneceu preso até segunda ordem.

Haroldo Ribeiro

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade