Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

terça-feira, 25 de outubro de 2011

São Cristóvão, um time vencedor!



O time de Humaitá fez bonito na final
da Taça EUCATUR, depois de perder o primeiro jogo em próprio campo os valentes do São Cristóvão foram até a casa do adversário e conseguiram um empate de 1 x 1. Com o resultado obtido fora de casa quando venceu de 3X1, o Santiago Esporte Clube de Ji-Paraná sagrou-se campeão na competição que reuniu quarenta equipes. Para que o time alcançasse este nível de sucesso houve muito treinamento, disposição e um apoio do poder público. Este vice-campeonato antes de ser uma derrota passa a ser uma grande vitória não só da equipe como também da administração da cidade que acreditou em seus atletas. O time de Humaitá trouxe para casa além da taça de vice um cheque de dez mil reais que servirão para a melhoria das condições de seus jogadores e local de treinamento.
Os jogadores escalados para a grande decisão foram: Bita no gol 12, Bosca, Nego, Buiu, Careca, Regilson, França, Railton, Nel, Josimar e Irineu. Os reservas foram: Negão, Pipa, Josimar da Estrada, Paury, Charutinho, Ronaldinho e Tito. Todos os gols foram marcados no segundo tempo, a equipe adversária marcou primeiro aos 22 minutos com Careca de pênalti, Railton, nosso camisa 10, também de pênalti completou o placar aos 34 minutos do segundo tempo. Final São Cristóvão 1 X Santiago 1, resultado que deu o campeonato para o Santiago, mas que trouxe honra para Humaitá que permaneceu de pé, como fazem os verdadeiros campeões. Parabéns São Cristóvão.

Haroldo Ribeiro
informações Pirozão de Manaus
                   Ana Cléia  (VRM)

.

Um comentário:

  1. pela primeira vez umtime que não faz parte do estado ganhar,certo que não foi primeiro lugar mais conserguiu a vice liderança assim resta nos da o parabens a equipe do são cristovão. ana cleia

    ResponderExcluir

Comente com responsabilidade