Amazontime

Amazontime
O maior site de notícias de Humaita - AM
"Deixe seu comentário ao fim das matérias, se preferir poste no mural de recados na parte inferior do site. obrigado!

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

MENINA DE 9 ANOS SALVA DE PEDÓFILO EM BARCO DE PASSAGEIROS


O Amazonas se movimenta pelas aguas de seus muitos rios e igarapés, nestas viagens que chegam a durar muitos dias, para não se perder tempo os moradores e visitantes que frequentam as comunidades às margens dos rios acenam com um lenço, geralmente branco indicando que querem viajar na embarcação. Junto ao barco maior acompanha uma voadeira, pequena embarcação muito veloz, provida de motor de popa que apanha o passageiro na margem levando-o até a embarcação maior onde é cobrada a passagem.

Numa dessas comunidades a beira do Rio Madeira que Alessandro dos Santos Fonseca de 28 anos embarcou, como um passageiro comum, entretanto seus atos futuros denunciariam o caráter torpe escondido dentro de seu coração satânico.

Dentro do barco Zannys que vinha de Manaus com destino a Porto Velho o indivíduo arrastou uma menina de apenas 9 anos para sua rede pendurada dentro do barco, vindo a seguir a mexer nas partes íntimas da menina. A mãe sentindo a falta da filha foi até a rede do suposto pedófilo e a seguir acionou a polícia de Humaitá que efetuou a prisão.

Já na 8ª DRPC (Delegacia Regional de Polícia de Humaitá), o suspeito de estupro foi recebido sem hematomas ou escoriações e alega não ter feito nada, o que é negado pela mão que encontrou sua filha M. S. L. de nove anos quase sendo estuprada pelo acusado.

Os responsáveis pela prisão do acusado são:

- Cabo Pm Romilton
- Sd PM Theomario
- Sd PM Gesselayne

Após esse caso que felizmente acabou bem pela rápida ação de uma mãe cuidadosa fica o alerta! Mães e pais não descuidem de seus filhos, pois alguém que você nem imagina pode ser um maníaco pedófilo escondido atrás de um rosto supeito ou não.




Haroldo Ribeiro
amazontime.com

Informações: PM de Humaita
fotos: Repórte Policial Cobra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade